Em live sobre Prática da Educação Popular, EàE lança site e projeto de organização popular

406

Na noite do dia 26 de junho o Coletivo Espíritas à Esquerda lançou oficialmente seu site e seu projeto de educação e organização popular, os NEPs, Núcleos Espíritas Populares. O evento online contou com a participação da Deputada Federal Natália Bonavides (PT/RN), das vereadoras de Natal/RN Brisa Bracchi e Divaneide Basílio, ambas do PT, além de Kelli Mafort , membro da Coordenação do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra – MST.leve espiritas a esquerda

As convidadas abordaram o tema cotejando seu conhecimento das concepções de Paulo Freire com as suas experiências nos mandatos parlamentares e nos movimentos populares. Em todas as manifestações houve referências à importância do ato de ouvir como ponto de partida para uma ação construtora da autonomia, da solidariedade como valor central do processo, e da esperança como ingrediente humanizante e agregador.

A íntegra do debate está disponível aí abaixo e vale cada segundo. Além do debate, houve uma breve apresentação dos membros da coordenação do Coletivo Espíritas à Esquerda. E uma breve apresentação do projeto dos Núcleos Espíritas Populares -NEPs.

Agradecimento aos participantes da live

Agradecemos ao Mestre Paulo Freire por estar presente na transmissão do evento de inauguração deste portal, por meio das experiências, lutas e juventudes de Nátália Bonavides, Brisa Bracchi, Divaneide Basílio e Kelli Mafort.

Poderíamos remeter uma cartinha formal e individual, mas o movimento Espíritas à Esquerda é do informal e do coletivo.

Estamos felizes por iniciar o portal falando de educação popular e da imortalidade de Paulo Freire que vive, inclusive, em quem tenta combater o seu legado. Seria esse o sentido de amar aos inimigos?

O fato é que o pensador brasileiro mais citado no mundo, tem sido lembrado em nossas terras, por bons e por maus motivos. Mas o seu legado, a partilha amorosa do conhecimento, será honrado por todos e todas que almejam um mundo melhor.

Estamos esperançados. Seja pela juventude das palestrantes ou pelo compartilhamento de saberes dos que são jovens há mais tempo.

Seguimos juntos numa luta inspirada por justa raiva e jamais por ódio.

O ódio paralisa e traz estagnação. A justa raiva nos impulsiona a interferir no mundo, que está sempre sendo, como nos disse o Professor Freire.

Pois que seja justo e bom para todes, acolhendo as singularidades de cada ser.

Gratidão ao mestre Freire que nos falou por meio dessas bravas mulheres.

ASSISTA AO VÍDEO COMPLETO

1 COMENTÁRIO

  1. Coisa boa pelo 247 tomei conhecimento deste coletivo muito importante neste momento de retrocessos que país passa um abraço a todos do amigo Dr. Manoel de Mirandida Pernambuco

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui